Música "Shame" - Robbie Williams e Gary Barlow


"Shame" é uma canção escrita por Gary Barlow e Robbie Williams, gravada pelo cantor Robbie Williams, com a participação de Gary Barlow, membro dos Take That. É o primeiro single do álbum dos melhores êxitos lançado a 8 de Outubro de 2010, In and Out of Consciousness: Greatest Hits 1990–2010. É uma música que merece destaque! Vamos ouvir?



Shame (feat. Gary Barlow)

Well there's three versions of this story
Mine, yours and then the truth
And we can put it down to circumstance
Our childhood, then our youth
Out of some sentimental gain I wanted you to feel my pain
But it came back return to sender
I read your mind and tried to call
My tears could fill the Albert Hall
Is this the sound of sweet surrender?

What a shame we never listened
I told you through the television
And all that went away was the price we paid
People spend a lifetime this way
Oh what a shame

So I got busy throwing everybody underneath the bus
And with your poster 30 foot high at the back of Toys-R-Us
I wrote a letter in my mind
But the words were so unkind
About a man I can't remember
I don't recall the reasons why
I must have meant them at the time
Is this the sound of sweet surrender?

What a shame we never listened
I told you through the television
And all that went away was the price we paid
People spend a lifetime this way
And that's how they stay
Oh what a shame

Words come easy, when they're true
Words come easy, when they're true

So I got busy throwing everybody underneath the bus
And with your poster 30 foot high at the back of Toys-R-Us
Now we can put it down to circumstance
Our childhood then our youth

What a shame we never listened
I told you through the television
And all that went away was the price we paid
People spend a lifetime this way
And that's how they stay
Oh what a shame

People spend a lifetime this way
Oh what a shame
Such a shame, what a shame


Tradução:
Que pena

Existem três versões para essa história
A minha, a sua e a verdade
Nós podemos culpar as circunstâncias
A nossa infância e a juventude
Só para ter algum ganho sentimental, eu queria que você sentisse a minha dor
Mas o feitiço virou contra o feiticeiro
Eu li seus pensamentos e tentei te ligar
As minhas lágrimas poderiam encher o Albert Hall
Será esse o som da doce redenção?

Que pena nunca termos dado ouvidos
Eu te disse pela televisão
E tudo que acabou foi o preço que pagamos
Tem gente que passa a vida inteira assim
Oh, que pena

Então eu me ocupei jogando todos debaixo do ônibus
E com o seu pôster gigantesco nos fundos da Toys-R-Us
Eu escrevi uma carta mentalmente
Mas as palavras foram tão crueis
Sobre um homem do qual não me lembro
Eu não me lembro dos motivos por quê
Acho que na hora elas fizeram sentido para mim
Será esse o som da doce redenção?

Que pena nunca termos dado ouvidos
Eu te disse pela televisão
E tudo que acabou foi o preço que pagamos
Tem gente que passa a vida inteira assim
E ficam assim
Oh, que pena

As palavras vêm facilmente quando são verdadeiras
As palavras vêm facilmente quando são verdadeiras

Então eu me ocupei jogando todos debaixo do ônibus
E com o seu pôster gigantesco nos fundos da Toys-R-Us
Nós podemos culpar as circunstâncias
A nossa infância e a juventude

Que pena nunca termos dado ouvidos
Eu te disse pela televisão
E tudo que acabou foi o preço que pagamos
Tem gente que passa a vida inteira assim
E ficam assim
Oh, que pena

Tem gente que passa a vida inteira assim
Oh, que pena
Que pena, que pena

Comentários

Veja também

Novos gifs fofinhos

Gifs doidinhos